BARONS

BARONS

Corpo Fechado (2000)




O filme mais profundo de super-heróis já feito




Corpo Fechado Cartaz

M. Night Shyamalan é de longe um dos meus diretores favoritos, teve alguns tropeços durante a carreira, ficou por muito tempo “refém” da necessidade de ter um grande plot twist no final dos seus filmes, além da dificuldade de trabalhar em produções que envolvem grande orçamento, normal para profissionais muito autorais como ele, mas na média ele tem muito mais filmes bons do que bombas.

Dos filmes dele Corpo Fechado não está entre os meus favoritos, e para ser sincero, dentre os trabalhos bons de Shyamalan, esse é um dos mais fracos (na minha opinião, que pode não corresponder a sua realidade). Mas então porque escolher logo esse filme e não falar de algum outro dele? Por causa de ‘Fragmentado (2017)’.

Temos um post só para ‘Fragmentado’, mas para não ficar com cara de besta no final do filme, você precisa conhecer ‘Corpo Fechado’, então vamos introduzir o filme a quem não conhece e contar alguns spoilers para quem não quer/vai assistir ao filme.

Enredo

O filme conta a história de David Dunn (Bruce Willis), um segurança que é o único sobrevivente de um descarrilamento que mata todas as outras 131 pessoas que estavam no trem, com exceção de Dunn que sequer se arranhou. Em contrapartida, conhecemos Elijah Price (Samuel L. Jackson), um especialista em histórias em quadrinhos, que possui uma doença rara que deixam os seus ossos frágeis e quebradiços.

Por ter passado boa parte da sua vida em hospitais devido as diversas fraturas sofridas, Elijah lê muitas HQs e começa a teorizar que se existe alguém frágil como ele, deve existir alguém que seja o oposto, alguém inquebrável, e ao saber do sobrevivente do acidente de trem, ele procura Dunn para compartilhar sua teoria.

Corpo Fechado Dunn e Elijah

Dunn e Elijah

Sobre o filme, CONTÉM SPOILERS

Corpo Fechado já tem 17 anos, ou seja, já quebrou qualquer regra que você tenha sobre spoilers, mas de qualquer forma se você ainda pretende assistir, é melhor não ler o conteúdo a seguir.

Apesar de Elijah ser fundamental para a história, o filme acompanha a vida de Dunn, e seu relacionamento com esposa e filho, vemos que ele não é feliz com a vida que leva, e mesmo que não se pareçam em nenhum aspecto, Elijah vai ajudando indiretamente ele a pensar de uma forma diferente na vida.

O principal motivo do filme não me agradar tanto é que ele é muito sobre os sentimentos do protagonista, é uma trajetória de autoconhecimento de Dunn, então tem pouca ação (ação no sentido de acontecimentos e não tiroteio), que apesar de não ser massante ele não empolga, exceto pelo seu final.

O filme é tem um grande valor na evolução dos personagens, mas não teria a fama e o apelo que tem se não fosse pelo seu final, que é a marca do diretor, suas viradas no roteiro que não são gratuitas, nesse caso funciona muito bem porque você entende muitos diálogos que surgiram durante o filme e que pareciam despretensiosos.

Os primórdios do gênero Super-Herois

Hoje temos filmes de super-herói dos mais diversos tipos, mas em 2000 esse gênero ainda estava nascendo, as maiores produções ainda eram Batman, Blade e o primeiro X-Men, então ‘Corpo Fechado’ pode ser considerado um dos primeiros filmes a apresentar o gênero sem ser galhofa e sem ser baseado em uma história específica, mesmo que durante mais da metade do filme isso não fique claro, o final é até hoje uma das mais fiéis adaptações de quadrinhos.

Corpo Fechado Samuel L Jackson

Samuel L Jackson sempre excelente

O filme vai buscar no âmago das HQs inspiração para esse final, e como quase todo filme de Shyamalan, o plot-twist de explodir a cabeça, faz você querer ver a história novamente, agora que já conhece todas as motivações, eu mesmo já tinha começado a questionar o porque do Elijah citar sempre os mesmos “acidentes”, mas sempre na inocência, o final realmente me surpreendeu.

O final (SPOILERS PULARÃO NA SUA CARA)

Para quem não vai assistir mesmo, no final Dunn resolve aceitar sua condição de super-humano e usar suas habilidades para salvar pessoas, a notícia sai nos jornais como herói encapuzado que salvou crianças que eram mantidas reféns, seu filho que se emociona com o pai se tornando o que ele sonhava, e ele vai agradecer Elijah por enfim ter dado um sentido para a sua vida, já que o que sempre incomodou o protagonista não era o casamento, filho ou ter abandonado a promissora carreira de jogador de futebol americano, mas sim ajudar pessoas com o seus dons.

Ao se encontrar com Elijah, esse explica que ao se provar um super-herói além de ter encontrado um sentido para a sua vida, ele também deu um sentido a dele, achar um exato oposto a ele mostrou que realmente todos tem um lugar no mundo, e estende a mão para cumprimentar pela primeira vez o herói.

Ao tocar a mão de Elijah, o poder de Dunn se ativa e ele descobre que Elijah foi o responsável além do acidente dele, mais um incêndio e uma explosão de avião onde ambos mataram centenas de pessoas e não deixaram sobreviventes, tudo para que ele encontrasse alguém com uma resistência proporcionalmente oposta a dele.

Tudo isso porque de certa forma Elijah não aceitava que sua situação não tivesse um proposito, por isso ele se transformou num vilão, e como já vimos em várias HQs principalmente o Coringa, um vilão não tem proposito se não houver um herói para rivalizar com ele.

Após a revelação, o filme termina e é dito que Dunn denúncia Elijah, que vai preso por conta dos três ataques que realizou.


Por ter um ritmo mais lento e até um pouco repetitivo, ‘Corpo Fechado’ não me agrada tanto, entretanto é um show de construção de personagem, mostrando exatamente como as pessoas são: fazem escolhas idiotas por amor, muitas vezes se subestimam, magoam os outros sem nem saber o motivo e principalmente, custam a assumir responsabilidades e aceitar verdades.

Corpo Fechado pode não estar entre meus favoritos, mas respeito muito mais Shyamalan por tê-lo filmado, e se você gostou, corre para assistir ‘Fragmentado’ que o diretor já prometeu que está trabalhando numa sequência. (entendedores entenderão).


Tags do post:


Close